SIMECAN | Sindicato das Indústrias Metal Mecânicas de Canoas e Nova Santa Rita

telefone (51) 3472 7455

Facebook

listNotícias

Associada do Simecan, Tornisinos projeta e fabrica moldes para ventiladores mecânicos em tempo recorde

Especializada na realização de projetos e fabricação de ferramentas para estampo e repuxe, moldes para injeção de alumínio e sopro de plásticos, além da fabricação de peças mecânicas usinadas, a associada do Simecan (Sindicato das Indústrias Metalmecânicas e Eletroeletrônicas de Canoas e Nova Santa Rita), a Tornisinos, recebeu um grande desafio. Um cliente da área médica, parceiro de longa data, propôs projetar e fabricar três moldes para injetar componentes para respiradores (ventiladores) mecânicos, que serão utilizados em hospitais, para auxiliar no tratamento de pacientes em estado grave diagnosticados com a Covid-19. A missão foi cumprida em tempo recorde de 19 dias.
 
Segundo o diretor Comercial, Paulo Zveibrücker, o desafio foi cumprido e em 19 dias corridos os moldes estavam concluídos. Situada no município de Nova Santa Rita, na região metropolitana de Porto Alegre, a Tornisinos, juntamente com sua parceira Inject Plásticos, estão produzindo cinco mil unidades dos componentes para os respiradores mecânicos. “O sentimento é de orgulho em poder ajudar a salvar vidas, por meio da fabricação de um aparelho que existe pouco no mercado, principalmente com o fechamento de fronteiras, dificultando ainda mais a importação”, salienta o diretor.
 
Paulo Zveibrücker ressalta que o desafio só pode ser cumprido em função do comprometimento dos colaboradores. “Eles aceitaram a ideia e pegaram junto. É um legado que fica, com muita satisfação. Esta, provavelmente, foi a maior missão que já tivemos, e abraçamos, junto a este cliente, um projeto de tamanha importância para o nosso país, em tão pouco tempo”, se emociona ele. Semanalmente, mil unidades estão sendo encaminhadas ao cliente parceiro, sendo comercializadas para todo o Brasil.
 
Um projeto desta complexidade leva em torno de 60 dias para ser concluído. “Mas conseguimos, com a dedicação de todos, executar em apenas 19 dias. Concluímos os moldes e entregamos o primeiro lote de peças injetadas para teste e inspeção da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em tempo recorde”, pontua o diretor da Tornisinos.
 
“Reconhecemos que nossos investimentos em maquinários de ponta e novas tecnologias tiveram muita influência para alcançarmos nosso objetivo, mas nada seria possível sem o enorme engajamento de nossa equipe. Isto só solidifica a percepção de que não conquistamos nada sozinhos. A união de esforços em um mesmo propósito, nos faz alcançar o sucesso”, complementa.
 
De Zotti Comunicações

Mais notícias

3ª Sessão de Negócios promovida pelo Simecan e Sebrae gera perspectiva de vendas superior a 7 milhões

3º Encontro de Negócios Metalmecânico Canoas acontece nesta terça-feira na Casa Blue Moon

A situação da indústria após a paralisação dos caminhoneiros